ITCP-UFMS vai beneficiar famílias do Assentamento Santa Guilhermina em Maracaju – MS

Prefeito Maurílio Ferreira Azambuja e presidente da Câmara visitam assentamento

ass1

Foto: Paulo Roberto

O prefeito Maurílio Ferreira Azambuja acompanhado do Vereador Helio Albarello, Secretária de  Desenvolvimento Econômico Renata Azambuja Silva Miranda Cruz estiveram na manhã desde dia 03 de julho visitando o Assentamento Santa Guilhermina.

Uma das obras no assentamento é a quadra poli esportiva que já está pronta e vai ser entregue nos próximos dias para a comunidade, mais uma conquista da atual administração que conseguiu verbas em Brasília. Visitaram também a rede de internet implantada no início da administração que coloca o assentamento conectado com o mundo, além de ser uma ferramenta utilizada para a educação das crianças, hoje cerca de 30 famílias são beneficiadas.

Além disso, acompanharam o lançamento de mais um programa que vem beneficiar os pequenos produtores e melhorar a qualidade de vida e principalmente a renda familiar; que o projeto em parceria Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, prefeitura Municipal, através da Secretária  de Desenvolvimento Econômico,  projeto  Incubadora Tecnológica ,  que visa orientar o produtor da agricultura familiar para o desenvolvimento de culturas diversificadas de produção, além de legislação, entre outras técnicas.

ass2mirian

Foto: Paulo Roberto

Para o presidente da Câmara Helio Albarello, a Incubadora será uma grande oportunidade para o desenvolvimento dos assentados,  que hoje vivem outra realidade, graças ao apoio do prefeito Maurílio.” Fico feliz quando venho aqui e vejo as estradas boa,a internet funcionando, a quadra esportiva pronta, e agora esse projeto fantástico, isso mostra porque fazemos parceria com o prefeito, porque trabalha pensando sempre no melhor para as pessoas”, disse Helio.

Prefeito Maurílio conversou disse da grande oportunidade dos assentados com o projeto, “Nos ajudamos a agricultura familiar de todas as formas uma delas e comprando o que produzem para a merenda escolar, esse projeto em parceria com a Universidade é uma forma de ajudar os assentados a crescer e desenvolver cada vez mais,  e o mais importante melhor a renda e a qualidade de vida”, disse o prefeito.

Publicado originalmente no site da Prefeitura de Maracaju